Lano Kaj Neĝo

Festival de Teatro Ajidanha – Lano Kaj Neĝo

Lano kaj Neĝo* debruça-se sobre a obra de Ferreira de Castro “A Lã e a Neve”, um símbolo para a identidade social e cultural da região da Beira Interior, para além de ser uma referência da literatura nacional.

A peça acompanha o percurso de Horácio, de pastor em Manteigas ansiando um dia reunir as condições financeiras para poder ter a casa que sonha para viver com a sua família, até se tornar tecelão numa fábrica na Covilhã e confrontar-se com a dura realidade do operariado.

Ficha Técnica:

Produção: ASTA
Direção: Miguel Pereira
Texto: Ferreira de Castro
Interpretação: Bruno Esteves, Carmo Teixeira, Sérgio Novo
Consultadoria Artística: Miguel Rainha
Desenho de luz_ Miguel Pereira com Bruno Esteves e Pedro Fonseca/coletivo ac
Figurinos: Jorge Mendes
Fotografia: Rita Carrilho
Vídeo: Tiago Moura
Produção e Comunicação: Rui Pires
Assistência de Produção e Comunicação: Helena Ribeiro
Coprodução: Câmara Municipal da Guarda, Câmara Municipal de Gouveia, Freguesia de Famalicão da Serra, Teatro Municipal da Guarda, Cine Teatro de Gouveia, Casa da Cultura de Famalicão da Serra
Apoios: Câmara Municipal da Covilhã, IPDJ, Oriental de São Martinho
Agradecimentos: Museu de Lanifícios (Covilhã), New Hand Lab (Covilhã), Museu do Meio (Meio)



Informação

  • Categoria: Teatro
  • Data: 8 Outubro
  • Hora: 21:30
  • Local: Estúdio Teatro Ajidanha, Idanha-a-Nova
  • Classificação: M/
  • Preço:
  • Duração: